sexta-feira, 30 de novembro de 2012

Um pouco de tudo e um pouco de todos!

Renê Guerra e Gui Venturini

Esta frase título deste texto de hoje é do blog de um amigo e irmão "Senor" Renezito do blogdoreneguerra.blogspot.com.br me chamou atenção e me fez refletir sobre a mesma;

Um pouco de tudo e um pouco de todos, uma frase completa que me deixa ciente de que todos nós somos exatamente isso; um pouco de tudo, uma mistura de raças, gostos, cores e sabores e também porque não; um pouco de todos, que passam pela nossa vida e deixam manias, costumes e belezas, além de aprendizados.

Nós seres humanos, somos isso, influenciáveis á todo momento, somos modistas e porque não dizer moldados por uma sociedade inquieta e insatisfeita.

Parei para pensar que esse pouco de tudo é tudo que herdei da minha família, dos meus antepassados que o pouco que deixaram foi o tudo que sou agora e que tudo que aprendi com a vida, pode ser pouco pelo o que tenho ainda para viver e aprender.

No mesmo tempo adquiri um pouco de todos, todos os seres humanos que passaram pela minha vida, que convivem comigo até hoje e que o pouco que deixam são palavras e gestos que são muito perante o pouco que nós somos como seres humanos para este universo.

O pouco de tudo poderá ser muito a partir do momento que nos contentamos com o pouco e passarmos a enxergar o pouco como o suficiente para sermos felizes, mas tudo isso, ainda está muito distante para nós seres comuns entendermos, hoje (27/11/12) estava conversando com um amigo de 60 anos muito sábio e alegre com todas as diversidades que a vida já entregou para ele, e ele, continua da mesma forma, feliz, ele me disse; “quando eu estiver valendo o mesmo que o meu carro vale, eu não preciso estar mais aqui” Isso me fez refletir ainda mais sobre o que somos e o queremos ser, se queremos ou precisamos de muito ou pouco para sermos felizes, na minha opinião, precisamos apenas do suficiente, nada mais e nada menos ou se preferir um pouco de tudo e um pouco de todos.

E esse pouco que falei nada mais foi o tudo que esses amigos nos ensinam com palavras, gestos, sentimentos e acima de tudo com a amizade sincera sem interesse algum.

Sejamos felizes com que temos ou com o que poderemos ter.

segunda-feira, 26 de novembro de 2012

Sozinho

Foto Gui Venturini

Estar sozinho é estar junto com você mesmo, a solidão de todos nós é a companhia do nada que aproveitamos no nosso dia, da conversa não produtiva, do comentário com maldade, do falar do outro e no dividir da solidão alheia.

Estar junto não é estar com um alguém e nem viver a mercê desse alguém que nem está junto a você. Nos acostumamos com o outro, por muitas vezes nos enganamos em estar junto e acabamos achando que estamos acompanhado e não estamos, apenas estamos preenchendo um vazio que existe dentro de todos nós.

Por muitas vezes colocamos no lugar do outro o trabalho, o estudo, o encontro com os conhecidos e até uma atividade física, que por muitas vezes nos enganamos dizendo que tudo isso é pro futuro, seu, da sua família ou a palavra da moda; “qualidade de vida” para os atletas de plantão, mentira, nos enganamos á todo momento para não nos sentirmos sozinhos, calma, se exercitar é muito bom, mas não para se sentir com alguém.

Conheço vários solitários que se dizem felizes, mas sei que não são, alguns encontram sua companhia no boteco, outros na droga, outros contratando uma garota ou um garoto de programa e dizem; preciso saciar meus desejos, mentira, todos nós podemos saciar nossos desejos sozinhos e também tem muitos outros saindo em busca de caçar uma pessoa a cada noite para dizer para os amigos que ficou com uma, duas ou três em uma noite, mas quando acordam estão sozinhos sem ninguém para dizer; eu estou com você.

Nossa, isso é promiscuo, não, não é, isso é o que todos nós somos, alguns escondendo e outros fazendo, isso está embutido em cada um de nós, mas com algumas diferenças.

Somos todos diferentes graças aos nossos Deuses, mas iguais na solidão de cada um, por isso, o que escrevo possa incomodá-lo (a), mas isso é o que EU penso, por isso, relaxa, os seus pensamentos são seus, reflita e siga ao lado da sua companhia, sendo ela, presente ou ausente.

Por isso, eu, continuo vivendo a minha companhia de hoje que pode estar perto ou estar longe, mas não estou seguro de não estar sozinho, e você?

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails