terça-feira, 28 de dezembro de 2010

2 0 / 11


Encerro 2010 agradecendo por tudo que tenho e começo 2011 agradecendo por tudo que ainda terei.

O número 11 são dois números idênticos que se somados 1 + 1 resultam em 2.

2011 será o ano que receberei dois presentes, meus filhos, que serão gêmeos e idênticos.

Lorenzo e Benicio estão chegando para nos trazer amor em dobro, alegrias em dobro, carinhos em dobro e claro que choro em dobro, mas melhor que pensar no choro, quero pensar em receber dois beijos, dois eu te amo e abraços sempre em dobro.

Na vida existem os sacrifícios, mas também existem as recompensas.

Feliz 2011 em dobro pra você!

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Presente de Natal


Neste natal eu gostaria de estar presente onde não há presentes e com isso gostaria de levar a minha presença e que com ela eu possa fazer a alegria de uma criança.

Gostaria de levar o amor e a alegria para uma criança que não poderá sorrir por não poder ter o prazer e a emoção de rasgar o papel do seu presente e poder brincar alegremente, por que não irá ganhar.

E mesmo sem presente eu gostaria que o alimento farto estivesse em todas as mesas e que todas essas crianças possam se esbanjar de guloseimas ou pelo menos de uma refeição digna de um ser humano.

Eu gostaria que o Papai Noel fosse presente em todos os lugares e que todos os presentes sejam iguais para que a diferença seja na hora de brincar e não no valor de cada um.

E pra finalizar eu gostaria de abraçar um idoso e dizer que ele não está sozinho, mesmo sabendo que tantas famílias se esqueceram dos seus bons velhinhos. E que em todas essas famílias prevaleça o amor, a união, o afeto e o respeito, pois, diferenças existem e mesmo tendo a inteligência para mudar não poderemos mudar o mundo.

Tenha um Natal de paz e alegria e que possamos estar presentes em todos os lugares e com todos que amamos sempre, mesmo se for só em pensamento.

Feliz Natal!

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

#POR1MUNDOMELHOR


Por um país melhor, por seres humanos melhores e por idéias melhores.

Assim vivemos todos os dias procurando idéias e ideais que façam sermos melhores do que o ontem, mas continuamos a viver o hoje e não pensando no amanhã.

Se eu tivesse voz para falar eu calaria o mundo com os erros que cometemos todos os dias, se eu enxergasse o futuro, eu iria mostrar que as cores não mais existirão e todos nós iremos viver na escuridão, se eu, ouvisse os pássaros, eu diria que a música e o tom já estão descompassados e o ritmo já não agrada mais.

Por um mundo melhor eu seria mais humilde e daria oportunidade para aprender com todo o eco sistema que mesmo com toda sua irracionalidade nos faz pequemos perante toda sua sabedoria.

Nós seres humanos, podemos falar e nos comunicar e mesmo assim não conseguimos nos entender, por quê? Porque nos achamos acima de tudo e de todos, o poder nos dado, nos fez, gananciosos e cegos perante o todo.

Abrir os olhos hoje é enxergar o futuro e passar a entender que; “toda ação gera uma reação” e se continuarmos assim seremos expulsos daqui da forma mais cruel, por isso, é bom parar para pensar quê; Observar e respeitar a natureza ainda são as melhores formas para preservar, pois, podemos ser um ou muitos, mas nunca poderemos ser todos.

Se a vida começasse agora eu faria tudo diferente e você?

terça-feira, 30 de novembro de 2010

Sessão de Fotos - 18 semanas

Um pouco atrasado pela correria do final de ano, mas não ausente, segue a nova sessão de fotos de dezoito semanas, mas já estamos na vigésima terceira semana de gestação, logo mais tem mais fotos.













sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Confirmado

Na semana passada confirmamos que são dois meninos que virão para alegrar ainda mais as nossas vidas, a minha e a da minha esposa, no penúltimo ultra-som conseguimos ver o sexo de um e ficamos em dúvida do outro, mas agora, ta confirmado, são dois meninões.
O Lorenzo e o Benicio já estão na vigésima semana, ou seja, na metade do processo de transformação, logo logo estarão chegando e eu ansioso para vê-los, poder tocá-los e aconchegá-los em meus braços.

A correria já é grande e por isso estou atrasado em dividir com você mais um ultra-som, tudo já mudou e eu passo para outro estágio da minha vida, um pouco confuso para entender as transformações, mas muito seguro em relação à vida.

Um abraço e veja os dois pequeninos.

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Espaço e tempo

O espaço que preciso é o tempo que necessito para respirar e pensar no futuro que a cada segundo se torna passado na minha lembrança.

Assim passaram-se os anos e com isso me tornei passado e presente na vida de todos.

O espaço e o tempo do mundo, é pequeno diante de tanta pressa, vou correr para terminar esse texto, afinal não tenho tempo e o meu espaço é curto.

O final de semana já não é mais o bastante para descansar, pois, nos cansa e muito e a semana começa novamente e o tempo passa.

Preciso de espaço e tempo para decidir o que vou fazer amanhã, pois, assim não da mais para adequar tempo e espaço quando não se tem mais.

Estamos perdendo tudo, até o tempo, e se o tempo é o senhor da razão, perdemos ela também.

terça-feira, 19 de outubro de 2010

O casulo


Por muitas vezes me pergunto se somos lagartas ou se somos borboletas ou será que somo os dois? Afinal estamos todos os dias em plena transformação. Uma lagarta passa dias rastejando e comendo, come muito para se transformar, pois é assim o inicio da sua vida que um dia será uma linda borboleta.

A segunda fase da sua vida é viver em um casulo onde acontecerá uma grande transformação e se pararmos para pensar e fazermos uma comparação, a lagarta passa por uma reciclagem, ou seja, a lagarta é uma borboleta que será modificada, é como pegar uma garrafa plástica ou uma lata de alumínio e transformar em outro objeto, pois a matéria prima é a mesma só muda o formato, mas diferente de nós a mãe natureza não utiliza máquinas e sim a sua perfeição de transformar sem destruir.

Nós seres humanos começamos nossa transformação no ventre materno que não deixa de ser um casulo, por ali passamos a ser formados, ou seja, somos primeiro borboletas e quando nascemos passamos a se transformar em lagartas, paramos para pensar; nascemos formados, mas não conseguimos voar, então, vamos rastejar, passamos a rastejar até aprender a voar ou andar se assim preferir.

Vivemos uma vida inversa a da lagarta, que nasce lagarta e morre borboleta, nascemos borboletas e morremos lagartas, pois, voltamos a viver a cada dia dentro de um casulo e a rastejar para podermos sobreviver.

Por isso que na vida podemos escolher sermos lagartas ou borboletas, a escolha é sua, se quiser rastejar; seja uma lagarta, mas se quiser voar; seja uma borboleta, como disse e repito; a matéria prima é a mesma, mas a transformação é você quem faz.

segunda-feira, 11 de outubro de 2010

$.W.U. – Começa com seu dinheiro.

Um festival pensando em sustentabilidade, artes e música, lindo, adorei, mas não posso deixar de expressar meu descontentamento com as taxas de conveniência do festival e pelo desrespeito de algumas pessoas.

Pensar sustentável é proteger e reutilizar “suprir as necessidades da geração presente sem afetar a possibilidade das gerações futuras de suprir as suas". Assim já é uma forma de contribuir com a natureza e formar um pensar sustentável e com isso também faturar com a reutilização, já que todo o lixo do festival estava sendo reciclado, mas infelizmente não foi isso que vi no festival. Além de faturar com a reciclagem, faturaram e muito com bebidas e alimentos, isso sem falar de como foi difícil se alimentar já que era muita gente para poucas lanchonetes e funcionários, mas nesta questão eu até entendo, afinal é um grande evento. O que eu não entendo é falar de sustentabilidade e pagar muito caro por isso, já estamos pagando com a saúde já que muitos não estão nem aí para a natureza, agora você que pensa, age e faz pela natureza ainda paga e muito caro para apoiar e fazer parte.

Ida ao festival

Saí de Araraquara às oito da manhã com à Van que saiu de uma cidade vizinha chamada Monte Alto-SP que me pegou em AQA e fomos todos juntos ao $.W.U. em Itu, quase chegando lá, fomos parados por uma viatura da polícia rodoviária, o policial pediu os documentos do veículo e passou a fazer uma vistoria na van, não encontrou nada, mas sujou suas mãos nos pneus da van e assim o motorista solicito, resolveu molhar sua mão para limpá-la, alguns companheiros de viagem adoraram ver esta cena que me decepcionou e muito, palavras deles; “se não fosse assim iríamos ficar aqui parados” afinal vamos para o show. (por isso que nunca vai mudar o sistema) Chegando lá, nos organizamos e por incrível que pareça entramos na Arena Maeda sem problemas e sem demora.

Então, vamos comprar fichas, afinal vamos comemorar, chegando ao caixa a decepção, R$ 6, uma lata de cerveja, eu que iria comprar dez, comprei cinco e já fiquei puto da vida, mas não vamos estragar a festa, fui trocar minha ficha, recebo a informação que não poderia ser servido, pois estava sem a pulseira de +18 (maior de dezoito) olhei para a moça e perguntei; “Eu tenho cara de menor? Ela disse que estava fazendo o trabalho dela, e eu, concordei”. Dei três passos encontrei minha turma pegando cerveja sem a tal pulseira, aí entreguei a minha ficha e peguei a minha cerveja sem constrangimento e sem a tal pulseira. (enquanto uns seguem as regras, outros quebram) Isso sem falar daqueles que esperavam alguém chegar de pulseira e pedia para retirar a bebida, só eu, fiz isso umas três vezes já que como cidadão do bem eu respeito regras e já tinha ido atrás da minha pulseira +18. (Brasileiro da jeito pra tudo)

Assim fomos assistir os shows, nos colocamos em frente aos palcos e ficamos por ali, verifiquei que tinha vários carrinhos de cerveja próximo de onde estávamos e com isso não seria necessário ir até os bares que estavam longe, engano meu, quando fui buscar a minha outra cerveja recebo a informação que nos carrinhos de bebidas não recebem fichas só dinheiro vivo. (outra forma de arrecadar) Eles não estavam satisfeitos em cobrar seis mangos de uma cerveja, eles queriam mais e mais. Neste caso, preferi andar um pouco mais e pegar minha cerveja no bar. O dia foi passando a noite chegando e a vontade de fazer xixi bateu, então vamos aos banheiros, tinham vários banheiros, mas a galera não usava, faziam seu xixi, atrás ou ao lado dos banheiros químicos e não tinham nem um pingo de vergonha na cara. (educação se aprende em casa)

Assim, eu como publicitário fiquei de “boca aberta” com tanta inteligência do senhor Eduardo Fischer, organizador e produtor do evento, conseguiu em um festival intitulado de sustentável, levar pessoas com opinião formada e ainda dizer que; "É um festival democrático" (Edição 47 – Revista Rolling Stone), já pensou se não fosse, hein? Sendo assim, estou sendo democrático, pois dentro de uma democracia, as pessoas possuem liberdade de expressão e manifestações de suas opiniões, certo?

E falando de sustentabilidade o seu princípio é ser ecologicamente correto, economicamente viável, socialmente justo e culturalmente aceito, mas infelizmente mais uma vez não foi assim, por isso, deixo as perguntas;

Sustentabilidade para sustentar quem? A natureza ou grandes empresários?

terça-feira, 5 de outubro de 2010

Sessão de Fotos - 15 semanas

Olá amigos (as), segue a primeira sessão de fotos da gestação da Mãezinha Márcia e dos gêmeos.















sexta-feira, 1 de outubro de 2010

Eu quero


Um Brasil melhor, eu quero igualdade para todos, eu quero respeito, eu quero ter o direito de opção, afinal não gostaria de ser obrigado a votar.

Neste domingo (03/10) mais uma vez somos obrigados a votar e por incrível que pareça nos mesmos candidatos, por isso, pensei, anular meu voto ou votar em branco? Aí mais uma vez, pensei, não quero ser um cidadão nulo, mesmo tendo as mesmas opções de sempre não quero estar em branco perante as decisões do meu país, então, irei votar. Como o voto é secreto, e eu, não quero levantar bandeira nenhuma aqui, não vou especificar os meus candidatos, mas tenha certeza que da forma que está não dá pra ficar e muito menos misturar circo com política, por isso, proteste sim, votando em um candidato que possa fazer pelo coletivo e não para um grupo de oportunistas.

A degradação da política no Brasil é clara e esta representada por candidatos que não tem condições nenhuma para representar o povo Brasileiro, a exemplo da senhora Weslian Roriz (PSC) esposa do candidato Joaquim Roriz barrado pela Lei da Ficha Limpa, podemos ter a certeza disso, eles não querem fazer por você, eles querem o poder a qualquer custo, por isso, pense muito bem em quem você irá votar.

O grande poeta Patativa do Assaré com toda sua simplicidade deixou registrado um dos mais belos poemas de cordel e quando deixou escrito ele já pedia governantes sérios, mas o grande poeta morreu e não conseguiu ver um novo Brasil, e eu, temo pelos meus filhos que estão chegando e o meu maior medo é pensar que eles também não verão.

Eu quero

Quero um chefe brasileiro
Fiel, firme e justiceiro
Capaz de nos proteger
Que do campo até à rua
O povo todo possua
O direito de viver

Quero paz e liberdade
Sossego e fraternidade
Na nossa pátria natal
Desde a cidade ao deserto
Quero o operário liberto
Da exploração patronal

Quero ver do Sul ao Norte
O nosso caboclo forte
Trocar a casa de palha
Por confortável guarida
Quero a terra dividida
Para quem nela trabalha

Eu quero o agregado isento
Do terrível sofrimento
Do maldito cativeiro
Quero ver o meu país
Rico, ditoso e feliz
Livre do jugo estrangeiro

A bem do nosso progresso
Quero o apoio do Congresso
Sobre uma reforma agrária
Que venha por sua vez
Libertar o camponês
Da situação precária

Finalmente, meus senhores,
Quero ouvir entre os primores
Debaixo do céu de anil
As mais sonoras notas
Dos cantos dos patriotas
Cantando a paz do Brasil

(Autor: Patativa do Assaré)

“Terminando esse texto, parei e pensei, sou mesmo um idiota em escrever tudo isso, pois, todo mundo, e não quero generalizar é claro, pois, sei que existem bons seres humanos ainda neste mundo, estão pensando no que vão ganhar depois das eleições, se o seu candidato ganhar, será que vai ter bolsa família? Eu votei no senhor, o senhor prometeu fazer o muro da minha casa... oi, eu vim receber a segunda parte do dinheiro que o candidato me prometeu se ganhasse, e senhor, ganhou! Essa é a nossa realidade, todos se vendem, ou melhor, pensam exclusivamente em si próprios, infelizmente.”

“Deixar de sonhar é deixar de viver, quando eu parar, sei que não poderei mais ajudar.”

quarta-feira, 29 de setembro de 2010

O Analfabeto Político


O pior analfabeto é o analfabeto político. Ele não ouve, não fala, nem participa dos acontecimentos políticos. Ele não sabe o custo de vida, o preço do feijão, do peixe, da farinha, do aluguel, do sapato e do remédio dependem das decisões políticas.

O analfabeto político é tão burro que se orgulha e estufa o peito dizendo que odeia a política. Não sabe o imbecil que, da sua ignorância política, nasce a prostituta, o menor abandonado, e o pior de todos os bandidos, que é o político vigarista, pilantra, corrupto e lacaio das empresas nacionais e multinacionais.

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Nova Estação

Hoje comemoramos a chegada da Primavera, muitas flores e aromas pelo ar.



"E assim a primavera se faz bela.
As flores trazem a alegria e o perfume.
O aroma se espalha e o cheiro apaixona.
A primavera mais uma vez emociona."

Poema completo, clique aqui.

quarta-feira, 15 de setembro de 2010

Pouca Arte por Gui Venturini

É um pouco difícil falar de nós mesmos, mesmo quando os mais indicados a falar sejam nós mesmos. Por isso hoje criei coragem e resolvi mostrar um projeto da minha autoria que há algum tempo está dentro da cabeça e guardado dentro de uma gaveta.

O Projeto Pouca Arte aparece neste momento, acredito eu, por causa das mudanças atuais que estão acontecendo na minha vida e nesta hora tomamos coragem e resolvemos mostrar e tornar público um sonho que a partir de agora começa se tornar real.

O projeto Pouca Arte – digitalização em quadros é uma das mais novas expressões artísticas que sai do computador e vai para uma tela. O processo de criação é inspirado no dia-a-dia, na música e no comportamento contemporâneo, ao invés de pincéis e tintas, são usados os programas Adobe Illustrator e Adobe Photoshop e depois digitalizados em lona de PVC e transformados em telas.

Bom, então meu amigo (a) lhes apresento o projeto e espero que gostem.



Tela Maçã Ambientalizada

Tela Elvis Ambientalizada

Veja todas as telas disponíveis clicando aqui.

sexta-feira, 3 de setembro de 2010

Notícias dos bebês

Ontem foi dia da terceira visita ao médico para sabermos como está o desenvolvimento dos bebês, um está com 3,72cm e o outro com 4,00cm.

Já podemos ver que um é mais agitado, pois estava mexendo e muito, enquanto o outro estava dormindo, está correndo tudo bem com a gestação da Mamãe e com os bebês também.

O Dr. Elias Zakaib Jr. é o médico que está acompanhando os bebês e o seu pai por coincidência ou não, foi o médico que acompanhou a minha Mãe e trouxe-me para este planeta, afinal vivia no Planeta Ventre regido pela minha Mãe.

Segue o ultra som e logo após o ultra som 4D.

quarta-feira, 1 de setembro de 2010

Andando para traz



Para onde estamos caminhando, para frente ou para traz? Para qual caminho estamos seguindo, o correto ou o inverso? Invertidos e feridos a procura de algum destino, que nos leve para frente ou que nos leva para traz.

Inversão do invertido e seguidor do indefinido somos todos ausentes de nós mesmos e candidatos a nada. Queremos tudo e não temos nada, apenas temos as sobras deixadas nas calçadas.

Idosos vencidos, crianças largadas, mulheres devastadas e seres humanos perdendo o seu lado racional, que vivem pela troca e nunca pelos seus ideais. Ideologia que não é verdade e mentiras acreditadas, reféns do sistema que nos aprisiona dentro de nós mesmos.

Somos culpados por tudo que aceitamos e somos omissos pelos silencio do todo, somos guiados pela lei imposta e não fazemos nada para mudar. Se o palhaço virou candidato o circo perdeu a graça e o povo mais uma vez não sorri e vira o riso guardado pelo pouco.

De platéia viramos os artistas desse show e sem ganhar nada por isso, apenas pagamos para o riso continuar solto no rosto de cada um. Estamos carregando a “bolsa” nas costas e com isso procurando um novo lugar para ficar e assim tentamos ir para frente, mas com os pés virados para traz.

O “Curupira” que era uma lenda se tornou realidade e está prestes a se candidatar, afinal candidato sério virou lenda e nós continuamos obrigados a votar. Sua música já está preparada e vamos todos ensaiar;

’Escravos de Nós
Jogavam o voto em qualquer lugar
Então pensa, vota, tira o Juca de lá.
Brasileiros com Brasileiros fazem o Brasil andá.
Brasileiros com Brasileiros fazem o Brasil andá.”

Quem sabe o Curupira, o Saci-Pererê, a Mula-sem-Cabeça, o Boto, o Lobisomem, o Corpo Seco, o Boitatá, o Negrinho do Pastoreiro e a Pisadeira formem o PFB Partido do Folclore Brasileiro e assim tentam nos ajudar, afinal é de lendas que ultimamente estamos vivendo.

Sou apenas um brasileiro que acredita em seu país, que acredita no ser humano, mas infelizmente não acredita mais em seus governantes.

quinta-feira, 26 de agosto de 2010

Rindo a toa


Desde que fiquei sabendo que serei Pai a minha vida mudou e muito, pois tudo ficou mais leve e mais fácil de carregar e quando veio a notícia que seriam gêmeos fiquei ainda mais feliz.

Hoje os dias passam mais rápidos e a carga de responsabilidades muito mais leve, apesar quê, muitas responsabilidades virão quando chegarem os bebês e isso nos deixa um pouco apreensivos.

Não existem regras e muito menos manuais que ensinam você a ser Pai, diferente da mulher que vem toda preparada e o instinto as guiam a serem presentes e muito mais preparadas, isso por que vivemos em mundo machista e a mulher já é preparada desde criança para ser Mãe, para melhor exemplificar; toda menina brinca de boneca e isso já as condicionam a cuidar de um bebê.

Pra ser sincero começam as dúvidas que com toda certeza são muito normais, mas aí você passa a pensar qual seria o modelo correto de uma boa educação e assim tudo fica muito mais confuso.

Neste momento lembro-me dos músicos do “Falamansa” que cantavam assim; “Ah Ah Ah, eu estou rindo a toa” e eu prefiro continuar assim, “Rindo a toa”, pois, o mês de Agosto era um mês triste na minha casa, foi o mês que perdemos o meu amado e querido Pai e todo ano quando chega Agosto ficamos meio “encorujados”, mas como foi AGOSTO de Deus ganhamos a mais bela notícia que poderíamos ganhar nos últimos anos, vem chegando gente nova na família e com isso tudo mudou e vai mudar ainda mais.

Serão os primeiros netos, primeiros sobrinhos e os primeiros gêmeos da terceira geração da família, que coisa linda, por isso, continuo aqui “Rindo a toa” afinal não é pra menos vou ser Pai de Gêmeos Univitelinos.

Ansiedade para velos, mas ainda faltam trinta semanas e assim uma gestação nos ensina a ser pacientes, nos ensina a prestar muito mais atenção na nossa esposa e nos ensina a ser muito mais cuidadoso, carinhoso e atencioso, por isso, eu estou rindo a toa.

E quero continua rindo, pois o riso simplesmente nos abre caminhos e nos faz acreditar que o amanhã será bem melhor que o hoje onde poderemos ficar “Rindo a Toa”.

domingo, 22 de agosto de 2010

A terra do Sol


Hoje é o aniversário da minha terra, terra que tenho muito orgulho e onde fui criado, terra que aqui finquei minhas raízes e terra que aqui ainda estou e que gerou fruto.

Parabéns Araraquara pelos seus 193 anos e deixo aqui minha homenagem;

A terra do sol

A terra do sol,
Da laranja e da cana.
É a terra que me encanta.

Os índios passaram por aqui
E em tupi guarani chamaram de Aracoara.
E assim se tornou versão brasileira.

Toda plaina e arborizada,
De memórias e histórias.
A minha morada, és a minha oca.

Os oitis fazem um corredor
Para o meu amor passar.
E eu continuo aqui como um eterno apaixonado.

Aqui fui criado,
Aqui fui amado,
Aqui me tornei realizado.

O por do sol se faz avermelhado
E o céu um telhado todo azulado.
Que contempla futuro e passado.

A morada do sol,
És morada de todos,
És morada do amor e também do calor.

Se a serpente é uma lenda,
A matriz será eternamente inacabada.
E eu, um contador de histórias em um banco de praça.

A ferrovia fez progresso.
O Tróleibus o pioneirismo
E na qualidade de vida o imperialismo.

Essa é a minha terra,
Essa é a minha casa amada,
Essa é a minha cidade,

Araraquara.

Guilherme Aranha (Gui Venturini)

sexta-feira, 20 de agosto de 2010

Um já era ótimo, Dois é melhor ainda!


Meus amigos(as) tenho o prazer de informá-los que serei Papai de Gêmeos e idênticos, os dois anjinhos estão sendo gerados na mesma placenta.

A emoção é muito grande e eu nem sei o que escrever, mas hoje quero agradecer a Deus por ter me confiado estes dois anjinhos e prometo que irei ter o duplo cuidado de não só educar, mas sim transformar esses dois seres em seres humanos especiais.

Segue abaixo o ultra-som;

quarta-feira, 4 de agosto de 2010

Mudanças


Olá amigos (as), estou de volta das férias do trabalho e da facul e com uma notícia hiper, mega, big importante para mim e para vocês amigos (as).

Na verdade quando você dá um tempo e as férias é o melhor momento para fazer isso um filme passa pela sua cabeça e a imaginação vai além de qualquer coisa. Este ano não fiz nenhuma viagem, pois, algumas mudanças tinham que ser feitas em casa e por isso a opção de mudar e não viajar.

Foram trinta dias pensando, repensando e querendo mudar não só a casa como também tudo o que eu faço e para dar este passo precisamos pensar, pensar e pensar e assim os dias foram passando e eu continuava pensando o que fazer para dar um novo ar na minha vida já que adoro mudanças e ultimamente tudo está muito calmo, então pensei;

Sair do trabalho e fazer algo diferente? Talvez, mas não tenho nada em vista e não dá para ficar de papo para o ar esperando algum trabalho cair do céu, certo?

Então vou mudar o visual, e como mudei, mas ainda faltava alguma coisa e no meu pensamento a dúvida ficava em o que fazer já que minhas férias estavam acabando e eu queria dar uma nova GUInada em minha vida, então é que vem a notícia;

Segunda-feira 02 de Agosto de 2010, eram 11h32m minha esposa chega em casa com um envelope em suas mãos e entrega para mim, perguntei o que era e ela me disse; abra. O envelope timbrado com o nome de um laboratório e quando abro e leio, vejo;

Teste de Gravidez, no desenho uma Cegonha com um Bebê e logo abaixo escrito;

POSITIVO

Sim meus amigos (as) serei Papai e tudo que estou sentindo neste momento é indescritível e a emoção toma conta do meu ser.

A Mãezinha está de seis semanas e três dias e ontem já pudemos ver o tamanho do nosso Anjinho, está com 0,56cm e seu coração batia acelerado e eu um bobo emocionado e completamente apaixonado.

Hoje agradeço a Deus e me considero totalmente abençoado por ter recebido esta missão de cuidar, amar e ter paciência de esperar, serão ainda oito meses no Planeta Ventre até nos conhecer e sermos apresentados, mas para quem queria mudanças, quer mudança melhor que essa?

Estou de volta e feliz por tudo que tenho e por tudo que ainda virá.

segunda-feira, 26 de julho de 2010

Hoje


Tudo é falado, explicado e nada entendido, somos frutos de um mundo perdido, do mundo que seduz e nos conduz a servir, consumir e a cada dia a se denegrir. E nesta confusão geral somos obrigados a viver e a tentar sobreviver.

Ilusão e convicção do todo, mas nem sempre do conteúdo, pessoas caminhando de lá pra cá a procura do ficar e nunca do realizar.

O abraço, o beijo e o amor já não fazem parte do hoje e sim do passado, alienados e conectados vivem o prazer e o desejo no teclado. O corpo já não sente mais o calor... e o sentimento virou vapor e nossa escrita um verdadeiro temor.

Ação virou “acao” e percepção, “percepcao”, palavras contraditórias que um dia fez história e hoje fica na memória de uma geração atormentada pela diversão. O doce já não é mais doce, pois agora alucina e faz de um jovem normal uma pessoa cretina, vítima? Sim, do sistema e das regras impostas pela sociedade e por que não dizer; vitimas de seus próprios pais.

O caos é total e estamos alimentando uma geração de órfãos de amor, carinho e compaixão, estamos aceitando as regras do time do coração. Estamos torcendo contra nós mesmo, estamos á mercê de tudo e de todos. Somos pequenos perante o mundo, mas grandes em relação ao universo, somos a criação perfeita e a força imediata que faz o laço, mas não desata o nó.

Todos juntos somos um só, mas separados, somos como pó, espalhados e jogados pelo ar e pra qualquer lugar. Estamos respirando nós mesmo, estamos nos consumindo e destruindo o instinto, o sentimento e todo nosso conhecimento.

Já não somos mais os mesmos, estamos condenados a sofrer pelo erro de todos, somos nós culpados do exagero e do desespero da geral. Fecham-se as cortinas e abrem-se as jaulas... o show vai começar!

Mentiras, palavras malditas e frases totalmente esquecidas, deixadas e largadas, zipadas e gravadas em um cd. Encurralados dentro de uma hd assim está você, eu, todos nós, reféns de uma máquina que nós mesmos criamos para nos destruir. E isso, nos deixa com-uma-“puta”-dor.

Uma canção de ninar toca no fundo, no balançar do berço eu me esqueço de tudo e me lembro do tempo de criança, mas essa distância me conduz para o passado e me faz assumir toda essa culpa.

Mesmo que eu descubra o remédio não consigo curar a doença do mundo de hoje, pois, todos estão seguindo para um caminho que eu não fiz o mapa, mas o destino eu sei qual seguir, e você, sabe?

Somos o que queremos induzidos pelos ensinamentos que aqui adquirimos.

quarta-feira, 21 de julho de 2010

De: Gui Para: Má


Hoje meu post é um pouco diferente dos habituais ou pelo menos eu acho que seja, não sei, o que sei é que são palavras guardadas que hoje se faz texto e descreve um ser fora do comum.

Hoje comemoramos o dia do nascimento da minha linda, da minha extraterrestre, pois é assim como a chamo, não pelo seu aspecto físico, mas pelo ser que é...e com toda certeza não és deste planeta, acho que seja por isso que acredito em E.T.´s, pois, você veio para ensinar e abrilhantar ainda mais não só minha vida como a de todos que estão ao seu redor.

Essas palavras, acredito eu, que sejam bem oportunas pelo o que estamos vivenciando nos últimos dias, estamos vendo todo esse desrespeito contra a mulher que não preciso aqui descrever, pois, cada um de nós sabemos do que estou falando. Por isso meu bem hoje escrevo tudo que penso e sabes, pois, lhe digo sempre que posso, que és, especial, espontânea, alegre, brilhante e um ser humano incomum, difícil de encontrar nos dias de hoje.

Já são quatro anos de namoro, noivado e casamento, pois, pulamos todas as etapas e encaramos a difícil tarefa de viver juntos, apesar de ninguém acreditar, estamos juntos acreditando, respeitando e amando a cada dia e você é o ser que alimenta toda essa chama que não se apaga e se faz eterna junto a nós.

Agradeço por entender minhas neuras, meus porquês, minhas inconformidades e fazer entender da forma mais fácil e agradeço também quando fica em silencio para eu aprender do meu jeito.

Bom meu amor, fica aqui, meus sinceros parabéns não só pelo seu aniversário, mas pelo que representa na minha vida e na vida de todos que convivem com você.

Márcia

És Marciana,
Mulher que encanta.

Sorriso presente
E alegria constante.

Luz que irradia
Energia que contagia.

Companheira,
Amiga,
Minha parceira.

Brilha como estrela
Ilumina com sua presença.

Que assim seja,
E assim será
Pelo eterno e singelo amar.

sexta-feira, 2 de julho de 2010

Decepção X Seleção


Neste momento este assunto está estampado na maioria dos blogs, portais da internet, jornais, televisões e em todo veículo de comunicação.

Não sou amante de futebol e nem entendo sobre o assunto, mas sou Brasileiro e com muito orgulho, neste momento gostaria de deixar o meu pensamento sobre a Seleção Brasileira que foi derrotada hoje(02/07) pela Seleção Holandesa e acaba deixando milhões de Brasileiros em silêncio.

Deixo aqui meu sincero apoio ao técnico Dunga que já estava sendo pichado por todos e principalmente pela mídia Brasileira, mas o pouco que entendo de seleção, eu acredito que uma Seleção não é feita por um e sim por vários e por isso acho que estamos sendo injustos em culparmos uma só pessoa, sendo quê, uma seleção é feita por um todo, por isso o nome seleção. E hoje o que vimos? Jogadores individualistas querendo resolver uma partida já perdida.

Mas o que me deixa mais triste como Brasileiro é saber que depois da derrota da Seleção, vários Brasileiros saíram às ruas comemorando, isso é triste, muito triste, pois, se nós Brasileiros torcemos contra nós mesmos, imaginem os outros, por isso, que temos o que merecemos.

Infelizmente registro minha decepção, mas não com a seleção e sim com um pequeno grupo que gosta de chamar atenção.

Queres ser diferente? Então faça algo diferente para o seu país, como exigir uma boa educação, um bom sistema de saúde e bons governantes, pois, o melhor futebol do mundo já é nosso e ninguém vai tirar isso.

Aproveitando a deixa, este ano temos eleições e o nosso dever é cumprir esse compromisso democrático e para esse pequeno grupo que torce contra o seu próprio país deixo um recado; não esqueça que agir assim também nas eleições é agir contra você mesmo.

E bola pra frente.

quarta-feira, 30 de junho de 2010

Do Viola para o Araraquara Rock


Não é novidade pra ninguém que sou um amante da minha cidade natal, pois, já expressei várias vezes esse amor por ela e também não é novidade pra ninguém que amo e respiro música, certo? Voltando a década de noventa, Araraquara foi considerada a “Capital do Pagode” e eu um adolescente em plena curtição do “Rock and Roll” não aceitava e contestava muito esse rótulo, imagina você, como era ouvir isso, uma tremenda decepção, calma, não sou contra nenhum estilo musical, pois, cada um tem o seu e o meu não era ouvir pagode.

Continuando minha vida interiorana que amo tanto, anos se passaram e conseqüentemente a vida me leva a trabalhar no rádio e automaticamente com eventos e assim recebo uma proposta para apoiar um Festival de Rock em Araraquara, intitulado como Araraquara Rock, encabeçava esse projeto a Secretaria de Cultura de Araraquara e o apoio na época foi da Rádio Jovem Pan Araraquara onde eu trabalhava. No começo, confesso que achava que o projeto não teria vida longa, pois, Araraquara é uma cidade conservadora e também já tinha sido considerada a “Capital do Pagode”, então por isso a dúvida, mas me enganei e muito...e que bom, pois a cada ano o festival cresce e ganha força. Hoje o Araraquara Rock é um dos principais festivais de rock do país.

No ano de 2009 para minha alegria e felicidade recebi o convite para apresentar o festival e estive por lá apresentando, curtindo e voltando aos meus dezessete anos e o melhor, tive o prazer de apresentar; Graham Bonnet (Ex-Alcatrazz e Rainbow), CJ Ramone (Ex-Baixista do Ramones) além de Raimundos que foi uma banda que eu acompanhei o seu crescimento na cena musical brasileira.

Este ano recebo novamente o convite para apresentar o Araraquara Rock e mais uma vez fico muito satisfeito e feliz por estar participando de um festival que eu vi crescer e apresentar bandas que jamais imaginei dividir o palco como rockeiro que sou. E aproveito para convidar você para curtir o festival e conhecer a minha cidade e aproveito também esse clima de alegria para anunciar minhas férias do trabalho onde curtirei um mês inteiro pensando, ouvindo, escrevendo e olhado.

Segue a programação 2010

Quinta-feira – 8 de julho – Abertura

Sevent
Dead Fish

Local: SESC Araraquara

Sexta-feira - 9 de julho

1° Single Parents – São Paulo – SP
2° Hierofante Púrpura – Mogi das Cruzes – SP
3° Baranga – São Paulo – SP
4° Fenícia – Descalvado – SP
5° The Midnight Sisters – São Paulo – SP
6° Gametas – Rio de Janeiro – RJ

Terminal Guadalupe
Fabulous Bandits
Made in Brasil

Sábado- 10 de julho

1° Thriven – Campinas – SP
2° Holiness – Erechim – RS
3° Mother Zombie – Jabotical – SP
4° Rygel – São Paulo – SP
5° Ace 4 Trays – São Paulo – SP
6° Andragonia – Sorocaba – SP

Adágio
Madgator
Korzus
Angra

Domingo - 11 de julho

1° House Goes Down – Araraquara – SP
2° Kamala – Campinas – SP
3° ForkA – Santo André – SP
4° Awakke – Araraquara – SP
5° Garrafa Vazia – Rio Claro -SP
6° Mordeth – Rio Claro – SP

Cólera
Correra
Baiohazard

Local: Teatro de Arena.
Horário: a partir das 17:30hs (sexta e sábado) e 18:00hs (domingo).
Entrada: Gratuita

terça-feira, 15 de junho de 2010

Distante e presente


O tempo nos faz pensar e com tempo tudo se renova e nos faz novo.

A distancia me fez pensar e refletir sobre tudo que faço, cansado estou pela maratona de um mês e meio trabalhando todos os dias e conhecendo, revendo e reencontrando seres humanos que se tornam familiares nos dias de carência da sua própria família.

Neste momento você percebe que existe cinco seres humanos essenciais na sua vida; mãe, pai, irmãos, esposa e filhos, neste momento você percebe que mesmo dormindo em hotel luxuoso não existe lugar melhor que sua cama e percebe também que o arroz e feijão é a melhor refeição do dia-a-dia.

E assim paro para pensar se tudo que fazemos vale a pena, pois, convivendo a cada dia com seres humanos de diferentes pensamentos e costumes, me faz aprender e se surpreender cada vez mais.

Não sei mais se estou no caminho correto ou na contramão, só sei que a dúvida se torna viva em meus pensamentos e o sofrimento se torna real. A música toca e faz a trilha sonora dos dias longe de tudo e com isso me trás bem perto do todo. Eu me escondo e me reencontro comigo mesmo, não entendo, mesmo que tento entender o não entendido.

Hoje volto à rotina do meu dia-a-dia que me faz sentir saudade do vivido há alguns dias atrás e ao mesmo tempo aliviado pelo dever cumprido e longe do inimigo.

Contradigo-me e mais uma vez repito; que tudo está destorcido e mesmo sendo presente, você se torna refém de um mundo guiado por poucos, onde criam suas próprias leis e empurram goela abaixo para massagear o seu próprio ego.

Assim continuamos vivendo e se decepcionando com nós mesmos.

Estou presente novamente e distante desse mundo ausente.

Sinto-me bem de volta aqui!!! Ufaaaaaaa!!!

quinta-feira, 29 de abril de 2010

Em tempo e em todos os cantos


Olá amigos leitores e blogueiros por algum tempo estarei sem tempo para escrever, mas ao mesmo tempo em todos os cantos. Já estava um pouco distante daqui, pois o meu trabalho está consumindo muito mais de mim.

A partir do próximo mês estarei inteiramente focado no festival Viola de Todos os Cantos e por isso peço desculpas por não estar aqui de corpo e alma, mas em pensamento sempre estarei.

Será um mês e meio longe do Linguagem, mas bem próximo do blog do Festival onde escrevo o dia-a-dia do festival que você pode acessar clicando aqui e conhecer um pouco mais do meu trabalho no qual estarei me dedicando, pois esse é o meu ofício e desta forma fica difícil fazer tudo.

Isso não é uma despedida porque o linguagem faz parte da minha vida e vocês também, então nem pensar em parar, apenas estou dando um tempo, pois o trabalho me chama.

Para conhecer um pouco mais do festival clique aqui.

Um abraço bem apertado e até a volta.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails